#customização

Como Fazer Estêncil: faça você a sua camisa!

Oi!!

Depois de uma semana sumida, ressurjo das cinzas como uma fênix e trago a vocês uma ideia muito legal de customização. E o tema de hoje é ESTÊNCIL o/

Quando você pensa em estêncil, automaticamente o relaciona a arte de rua, não é? Isso porque é onde arte se firmou e até consagrou muito artista por aí. Banksy curte. Tive oficina de estêncil na faculdade e não só eu particularmente, como toda a minha turma amou fazer. Sei que sou suspeita pelo o que vou dizer, mas o pessoal arrasou na matéria desenvolvendo estampas fodásticas. Bem, o que quero dizer com isso é que até aquela sua blusa velha que você guarda no fundo do armário e não sabe o porquê, tem salvação. De pano de chão, você pode fazê-la ficar bem descolada.

 

Preparando o estêncil:

  • Arrume um Suporte

Para se fazer um estêncil é preciso saber que a figura que você quer como estampa deverá ser preparada de forma a ser recortada no suporte utilizado. O mais recomendável a ser usado é o papel acetato ou ainda radiografias de exames, porque com eles as chances do estêncil sair com perfeição são maiores e ainda são moldes que duram que é uma beleza.

 

  • Escolha sua estampa

Faça o desenho de sua escolha, levando em conta que é necessário desenvolver um “pensamento de filtro em negativo” para fazê-lo, uma vez que o molde pronto será o negativo vazado do desenho. E para que os contornos sejam bem demarcados a solução é criar pontes que liguem a parte solta do desenho ao resto do molde.

 

  • Cole no suporte e recorte

Uma vez preparado o desenho, seja a mão livre, fotocópia ou computador, você pode colá-lo no acetato com cola de bastão, nos casos em que o suporte é opaco (radiografia), ou simplesmente pregá-lo com fita adesiva por baixo, em casos de suporte translúcido (papel acetato). Daí é só cortá-lo com estilete. Utilize um papelão grosso ou um vidro abaixo do que irá cortar. Isso evita que você destrua mesas e facilita o corte.

Se não tiver uma radiografia em casa, use algum papel de gramatura mais resistente do que o de uma folha branca. Nesse caso, o molde irá durar poucas aplicações, porém você poderá desenhar diretamente em cima dele. Tipo assim:

Moldes

 

Mão na massa:

Depois de pronto o seu molde, utilize os seguintes materiais abaixo:

Camisa velha do pai 

* Regra: Se for cortar que nem na foto, certifique-se de que a alça da camisa não fique muito fina nos ombros, ou caso contrário vai dar papo na região cavada quando vestir. 

Camisa

Tinta para tecido

*Regra: A tinta certa pra estencil é a hidrocryl, ela é pastosa e dá uma textura aveludada maravilhosa. Mas como é muito cara e dificil de achar, vai a de tecido mesmo. Porém, tome cuidado na hora de fazer a impressão, pois esse tipo de tinta é muito aguado e pode borrar tudo dependendo da força que você aplica. Portanto, lembre-se: Mãos de moça!

Estencil5

Esponja de lavar prato da mãe

*Regra: Use sempre uma esponja ao invés de um pincel. SEMPRE. A esponja absorve bastante tinte e imprime com leveza, sem deixar que a tinta vaze por debaixo do molde e estrague todo o seu trabalho.

Esponja

Pincéis

*Os pincéis apenas servirão de retoque final, caso a impressão fique com alguma falha ou pra dar algum toque a mais. 

Pinceis

E  voilá!

Camisapronta

 

 

Estencil4

 

E aí, gostaram?